Microsoft anuncia vencedores da etapa nacional da Imagine Cup e do XNA Challenge


O Brasil já tem seu representante para a final mundial da Imagine Cup 2009, a copa do mundo da computação organizada pela Microsoft, que acontece entre os dias 2 e 8 de julho, no Cairo, no Egito. O time Virtual Dreams, composto pelos estudantes Bruno Reis, Eduardo Sonnino e Roberto Sonnino, de São Paulo, foi o grande vencedor da categoria Projeto de Software da etapa brasileira da competição. No mesmo evento, a equipe Phoenix Team, do Rio de Janeiro, formada pelos jovens, Marcos dos Santos Venturelli, Caio Cesar Faria Araujo Lima, Paulo Henrique Faria Araujo Lima e Rodrigo Senna de Carvalho, venceu a 3ª edição do XNA Challenge, competição de desenvolvimento de jogos eletrônicos.


 


Pela primeira vez, a premiação das duas competições foi realizada conjuntamente. Os prêmios foram entregues hoje (24) à tarde, durante a Feira do Estudante do CIEE, na Bienal do Ibirapuera, em São Paulo, em solenidade que contou com a presença do presidente da Microsoft Brasil, Michel Levy, do diretor e vice-presidente do Bradesco, Sérgio Socha, e de Luiz Gonzaga Bertelli, presidente do CIEE. Além do Bradesco e do CIEE, a iniciativa tem apoio do Instituto Ressoar e da ONG Oxigênio.


 


As duas iniciativas, que fazem parte dos programas de cidadania corporativa da empresa, têm como tema o mote “Imagine um mundo em que a tecnologia ajude a resolver os mais difíceis problemas que enfrentamos”. Os jovens foram desafiados a propor soluções de tecnologia para uma das Metas de Desenvolvimento do Milênio, que surgiram da Declaração do Milênio das Nações Unidas, e tratam de temas como pobreza, educação, mortalidade infantil, saúde materna, igualdade, sustentabilidade, etc.


 


Pelo quinto ano consecutivo, o Brasil foi destaque na Imagine Cup, com o maior número de participantes, com mais de 75.000 brasileiros inscritos, 19% acima dos 63.757 estudantes inscritos pelo País no ano passado.  Em todo o mundo, o número de inscrições já supera 310 mil.


 


A final nacional, realizada hoje, definiu o campeão do País na categoria Projeto de Software, a mais competitiva entre todas. Para conquistar o direito de representar o País na final mundial, que será realizada no Cairo, no Egito, em julho, a equipe Virtual Dreams desenvolveu o projeto HealthTag, sistema de apoio ao atendimento à saúde em locais remotos, que permite a fácil identificação dos pacientes por meio da localização de seus históricos. Paralelamente, ele é capaz de gerar dados estatísticos para auxílio a pesquisas sobre a evolução de doenças e mensuração da efetividade das políticas públicas de saúde.


Além de viajar o Egito, o grupo vencedor vai receber kits com produtos Microsoft e uma mochila para Notebook oferecida pela Conta Universitária Bradesco.


 


Em segundo lugar, ficou o time EuSocial, formado pelos estudantes Danilo Medeiros (Centro Universitário SENAC), Guilherme Augustus (Universidade Ibirapuera), Diego Alves da Costa Mendes (Faculdades Integradas Torricelli) e André Dias (Universidade Mackenzie). O grupo desenvolveu o projeto Social Care, solução voltada para o Terceiro Setor que visa expor as necessidades das ONGs e ampliar as possibilidades de doação e prestação de contas por meio de uma ferramenta de colaboração mútua entre os setores da sociedade.


 


O terceiro lugar ficou com a equipe R.D.T., que criou o projeto eWriter, uma solução voltada a auxiliar o sistema de educação no processo de alfabetização. Aplicação desenvolvida em Silverlight que deve ser capaz de converter escrita manual em texto digital e, baseado na imagem apresentada ao usuário, informar se o que foi escrito está certo ou errado. Os integrantes do grupo são Breno Corni Ferreira e Vinicius Baptista de Mattos Carvalho, estudantes do Instituto Superior de Tecnologia de Petrópolis.


 


As equipes que ficaram em segundo terceiro lugares ganharam kits com produtos Microsoft.


 


XNA Challenge – O XNA Challenge é uma competição nacional de desenvolvimento de jogos que tem atraído cada vez mais a atenção dos jovens, até pelo desenvolvimento desse mercado no Brasil. Nesta terceira edição do evento, a equipe Phoenix Team conquistou o primeiro lugar na competição com o jogo H.I.V.E., que propõe que o jogador opere o supercomputador da organização fictícia Humanitarian Institute, conhecido como H.I.V.E. (Humanitarian Institute Virtual Enviroment). A função desse computador é administrar equipes de ajuda humanitária em locais que se encontram em condições críticas. A jogabilidade de H.I.V.E. é similar a de outros jogos de simulação/estratégia como Populous e SimCity, mas com simplicidade e ritmo de arcade. Uma nova situação é gerada aleatoriamente a cada nova partida, e o jogador deve gerenciar recursos para satisfazer quatro necessidades básicas da população local: saúde, nutrição, segurança e educação.


 


O grupo vencedor vai indicar um representante para conhecer a sede da Microsoft Corporation, em Redmond, nos Estados Unidos. Os demais integrantes serão contemplados com um vídeo-game Xbox 360 cada.


 


A segunda colocação ficou com a equipe Levv IT Team, formada pelos estudantes Edgar Figueiredo Neto (Universidade Federal de Pernambuco), Victor Rafael Nascimento dos Santos (Unibratec), Vinícius Ottoni Borges Figueiredo (CEFET), Luciano José Firmino Júnior (UNICAP), de Pernambuco, que desenvolveram o jogo Choice. Nesse game de raciocínio e reflexos que mistura o desafio dos jogos de estratégia com o dinamismo e a diversão dos jogos de Arcade, o objetivo dos jogadores é formar parcerias e adquirir recursos para suprir as necessidades de seus territórios mundiais. Todos receberam kits de produtos Microsoft (um mouse SideWinder e um Lifechat VX 3000) para cada integrante da equipe.


 


Já a terceira colocação ficou com o grupo Firefly Squad formado pelos jovens Diogo Couceiro Lemos (Universidade Federal de Pernambuco), Dário Saraiva de Melo Pinheiro (Universidade Federal de Pernambuco), Otávio Pessoa Silveira (Senac Pernambuco), Giselle Santos Andrade (Faculdade Integrada do Recife). O jogo desenvolvido pelo time, Millennium City, mostra uma cidade cheia de problemas. O objetivo do jogador é salvar a cidade por meio de oito minigames que abordam os problemas do milênio Um kit contendo Lifechat VX 3000 e um jogo Microsoft para PC foi entregue para cada integrante da equipe.


 


Além dos prêmios concedidos pelo júri, houve a eleição do melhor jogo na opinião dos estudantes que visitavam a feira. Todos os visitantes da Feira do Estudante nesta sexta-feira puderam testar os jogos finalistas e votar nos seus favoritos no espaço E-futuro. O vencedor do público também foi o grupo Phoenix Team, com o jogo H.I.V.E. Os campeões pelo voto popular ganharão kits com um controle do videogame Xbox 360 sem fio com um Jogo Microsoft para PC para cada participante da equipe.


 

Skip to main content