Silverlight é WPF?


Muitos já perceberam o quanto eu estou empolgado com as possibilidades que o Silverlight traz para Web. Já estava empolgado com a versão em Javascript, antes conhecida como "WPF/E" e agora como Silverlight 1.0. Quando pensamos na versão 1.1 com .NET rodando no cliente, o potencial é mais impressionante ainda.


Mas, uma questão me preocupa neste assunto é que tenho ouvido e lido diversas pessoas falarem que o Silverlight é a maneira de rodar WPF na WEB. Entendo estes comentários, já que o XAML é a base das duas tecnologias.  Entendo também que esta é uma maneira de tentar facilitar o entendimento do que ele é. Porém, esta afirmação é, no meu ponto de vista, é muito perigosa. Por que?


Porque o Silverlgiht não é o WPF na WEB. Como mencionei anteriormente, eles tem o XAML como ponto comum. Esta é a semelhança entre eles: executar xaml. Porém, é ser simplista de mais afirmar que eles são a mesma coisa. O XAML executado no Silverlight é apenas um sub-set do XAML executado no WPF. Portanto, muita coisa que podemos fazer no WPF, definitivamente não pode ser feito no Silverlight, pelo menos não da mesma maneira. Isto inclui animações 3D (realmente 3D), controles (a maioria deles) e databinding.


Isto certamente não dimimui o potencial nem as perspectivas do Silverlight. Nem tampouco quer dizer que o Silverlight não pode evoluir para ter algumas destas funcionalidades. Mas, quando queremos conhecer uma tecnologia, principalmente se pretendemos utilizá-la, precisamos saber exatemente seus prós e contras. Para isto, precisamos saber o que ela realmente é e o que pode e o que não pode ser feito com ela.


O Silverlight é muito bacana e aumenta significativamente a nossa expectativa na Web, mas não é o WPF no browser.


Até mais!!!!

Comments (5)

  1. Muitos já perceberam o quanto eu estou empolgado com as possibilidades que o Silverlight traz para Web

  2. israelaece says:

    Boas Cezar,

    Não tenho acompanhado muito o WPF e você poderá me responder uma dúvida: onde foi parar o XBAP?

    Att,

  3. rodrigokono says:

    Oi Cezar.

    Realmente ainda há de se perguntar se o Silverlight é o WPF na web. Pra mim são alguns fatores que diferem. Como o próprio XAML e o renderizador. Mas acho que não deixa de ser WPF ou aplicar as regras do WPF.

    Enfim, caso ainda não seja, creio que está caminhando para ser o WPF na web ou muito mais do que isso (em celulares). Aplicações 3D já é possível com Silverlight:   http://www.dolittle.com/Silverlight/3D/TestPage.html e  http://bubblemark.com/3d/silverlight1.1.htm.

    Com o SL1.1, é previsto, que teremos novos recursos de bind. =)

    Mas ainda há de se perguntar: Silverlight é WPF?

    🙂

  4. Salve Salve amigos Israel e Kono!!

    Bem, falando sobre o XBAP, ele continua sendo uma opção. A questão do XBAP é que ele precisa do .NET Framework 3.0 instalado na máquina onde será executado. Mesmo sendo executado pelo browser. Isto porque ele sim, é o WPF no browser. Mas, ele é processado pelo CLR, logo precisa do Framework instalado. Isto é uma disvantagem para cenários onde se requer cross-plataforma ou não temos como garantir o OS do cliente. Mas, pode ser uma opção interessante para cenários onde temos a garantia do ambiente. Com isto, todos os recursos do WPF podem ser utilizados.

    Primeiramente Kono, saudações a turma de Goiania. Concordo com você que o Silverlight pode caminhar para ser o WPF na Web e não deixa de ser parte disto. A minha preocupação neste caso,é que os que não conhecem profundamente achem que basta pegar o XAMl do WPF e rodá-lo no Silverlight. Alguns artigos que tenho lido dão a entender isto. E isto não é verdade.

    Concordo também que podemos simular efeitos de 3D, por exemplo, e que isto mostra o poder do Silverlight, principalmente com .Net no cliente. 🙂

    Não tenho dúvidas que o Silverlight pode revolucionar o que fazemos na Web e no futuro quem sabe nos celulares…. 🙂 Que venham as novas versões do Silverlight..

    Até…

  5. rodrigokono says:

    Salve salve Cezar.

    Fechou bem com a questão dos XBAPs que o Israel perguntou e você respondeu. Porém acho que cabe outro post relacionado a WPF/XBAP/XAML/Silverlight com esse post. Creio que por causa disso e da preocupação de confusão entre as tecnologias é que saiu a tal pergunta "Silverlight é WPF?".  =)

    Abraço!

Skip to main content