Anunciado o suporte ao Oracle no VSTS 2010


Você pode estar estranhando o título deste post, pois o .NET e o Visual Studio já possuem suporte ao Oracle desde as suas primeiras versões.

Acontece que as coisas mudaram bastante de lá pra cá e enquanto em 2002 nossos desejos se limitavam a fazer uma conexão e realizar algumas buscas no Oracle, hoje buscamos toda a igualdade da “parafernália” que o Visual Studio Database Edition já oferece ao SQL Server.

Quando digo parafernália estou me referindo a:

  • Offline Schema Development
  • Import Schema
  • Schema Compare
  • Data Generation and Unit Testing
  • Refactoring
  • e muito mais

Apesar de pouco conhecidos, esses recursos do Visual Studio são indispensáveis para quem trabalha com banco de dados, no entanto, eles só estavam disponíveis para o pessoal do SQL Server, pelo menos até o final de 2008 quando a Microsoft liberou o Visual Studio Team System 2008 Database Edition GDR.

Essa nova extensão do Visual Studio implementou um modelo de providers no produto que passou a permitir que parceiros pudessem implementar todos esses recursos para qualquer banco de dados. Esses pontos de extensão estão sendo ainda melhorados no VSTS 2010 e hoje tivemos o anúncio de um parceiro que fará o porte para o Oracle.

A Quest Software fez o anúncio que entregará o Oracle Database Schema Provider (DSP) para a próxima versão do Visual Studio e com isso você poderá integrar todo o trabalho de seus desenvolvedores e DBAs Oracle ao ciclo de vida da sua solução gerenciada pelo Visual Studio Team System.

Se você desejar mais informações sobre o DSP para Oracle ou mesmo registrar para testar as versões betas, acesse http://www.quest.com/VSTS

Ainda não vi detalhes do produto, mas seria interessantíssimo se pudéssemos fazer a engenharia reversa no Oracle e aplicar os scripts no SQL Server. Espero ver isso em breve.

Abraços
André Dias

Skip to main content